Debate na Rádio Liberdade: “Minha candidatura tem estatura política, diálogo nacional, voz e liderança”



Durante o debate na Rádio Liberdade Caruaru, Armando Monteiro (PTB) afirmou que a sua candidatura difere das demais postas nesta eleição por ter estatura política, diálogo nacional, voz e liderança. O petebista ressaltou que, com o falecimento do ex-governador Eduardo Campos (PSB), vítima de um acidente aéreo, no mês passado, abre-se um novo ciclo no Estado.

“Eduardo tinha estatura política, diálogo, voz e liderança. Tinha uma trajetória forjada nas urnas. Apesar disso, em que pese o que Eduardo fez por Pernambuco, e fez muito, Pernambuco tem muitas carências na saúde, educação”, listou Armando Monteiro.

Nessa perspectiva, Armando Monteiro mostrou-se capaz de assumir os desafios de Pernambuco pelos próximos anos. “Se Eduardo não pode dar respostas adequadas a muitas dessas demandas e urgências, imagine se viesse escolher alguém com perfil mais baixo, sem capacidade de articulação e diálogo nacional”, arrematou Armando Monteiro

Foto: Leo Caldas

Postagens mais visitadas deste blog

Mensagens para dia da Mulher - 8 de março