FIAT em Goiana-PE: Prensas Chegam em Suape | BomJardimPE.com

0

Complexo de Suape recebe prensas da Fiat Transferência do equipamento para Goiana deve durar 15 dias e demandar até 300 viagens


Desembarcaram nesta sexta-feira (20) no Porto de Suape duas linhas de prensas vindas do Japão adquiridas pela Fiat. Os equipamentos são responsáveis por transformar as chapas de aço em peças para a carroceria do automóvel. O material será transportado para Goiana no dia 7 de outubro, na Mata Norte, onde a montadora italiana está construindo uma unidade. O desembarque foi acompanhado de perto pelo governador do estado, Eduardo Campos.

"Há um ano a construção da fábrica da Fiat teve início. As prensas são o coração da fábrica. O descarregamento e o transporte para Goiana serão acompanhados por especialistas da montadora", contou o governador. O material ficará armazenado no Terminal de Contêineres de Suape (Tecon Suape).

As prensas são essenciais no processo de produção de veículos. As chapas de aço chegam em bobinas e/ou chapas já cortadas e tratadas. As prensas recortam, furam e dobram as chapas de aço até chegar à peça desejada. Estes são equipamentos grandiosos. Para se ter uma ideia, elas chegaram desmontadas em um total de mil volumes. Montadas elas possuem altura de 12,5 metros e 70 metros de comprimento.

O transporte das prensas para Goiana será realizado a noite demandando 300 viagens. A estimativa é de que o processo dure aproximadamente 15 dias. A montagem da linha de prensa tem duração média de três meses.


Foto: Paulo Paiva/DP/D.A Press

Este é o segundo maquinário a desembarcar em Pernambuco. Também estão no Tecon Suape os primeiros robôs usados na construção dos veículos, que chegaram em julho.

O polo automotivo em implantação em Goiana terá investimento da ordem de R$ 7 bilhões, incluindo o valor aplicado pelas sistemistas, que são as fornecedoras da Fiat. Quando estiver pronta, no próximo ano, a unidade terá capacidade instalada para fabricar 250 mil veículos por ano. A produção, porém, só deve ser iniciada em 2015. Ao todo, o polo automotivo deve gerar 12 mil empregos.




fonte: DP

Postar um comentário

 
Top